Aumento dos alimentos ajudou a puxar o IPCA em 2010, aponta IBGE

A inflação de 2010 medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que subiu 5,91%, foi muito similar à apurada em 2008, quando o indicador avançou 5,90%, disse a coordenadora de Índices de Preços do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Eulina Nunes. Ela comentou que, tanto em 2008 quanto em 2010, houve aumentos expressivos nos preços dos alimentos, que ajudaram a elevar o IPCA.

– Qualquer mudança nos preços dos alimentos, para cima ou para baixo, mexe muito com o IPCA – comentou, lembrando que o comportamento de preços dos alimentos tem forte influência no resultado do índice.

Ela observou que o ano de 2010 contou com vários fatores que afetaram diretamente a oferta de alimentos, tanto no mercado doméstico quanto no mercado internacional. A coordenadora lembrou que ocorreram problemas de safra em países produtores em escala mundial, como a Rússia, o que ajudou a elevar os preços de commodities de uma maneira geral no mundo. Isso contribuiu para puxar para cima a inflação dos alimentos no mercado doméstico em 2010 em produtos relacionados às commodities.

Além disso, a técnica destacou que, tanto em 2008 quanto em 2010, houve um forte aumento na demanda por alimentos nos mercados doméstico e internacional, mas que não foi acompanhada pela oferta de produtos na mesma magnitude, o que ajudou a provocar elevação de preços.

You may also like...

0 thoughts on “Aumento dos alimentos ajudou a puxar o IPCA em 2010, aponta IBGE”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *