Prefeituras do sul de MG ainda não têm laudo de vistoria dos bombeiros Prazo para a entrega era de até dez dias úteis antes do evento


Há quatro dias do carnaval, muitas prefeituras do sul de Minas Gerais ainda não entregaram o projeto para a realização da festa para a vistoria do Corpo de Bombeiros. O prazo para a entrega era de até dez dias úteis antes do evento.

Das 58 cidades atendidas pela unidade do Corpo de Bombeiros de Poços de Caldas, Alfenas e Pouso Alegue, nenhuma entregou o projeto. Na área de cobertura de Três Corações, dos dez municípios atendidos, apenas Campanha e Lambari estão em dia com a entrega.

Já entre os 13 municípios atendidos pelo Corpo de Bombeiros de São Sebastião do Paraíso, apenas Monte Santo de Minas e São Sebastião do Paraíso apresentaram os documentos para o laudo de vistoria.

Os bombeiros de Lavras, que atendem 19 cidades, receberam apenas o projeto das prefeituras de Lavras e Nepomuceno.

Das 22 cidades atendidas pelos bombeiros de São Lourenço, apenas uma apresentou a documentação. E da área do Corpo de Bombeiros de Itajubá, que compreende 15 idades, somente Itajubá apresentou o projeto.

Segundo os bombeiros, o carnaval pode ser cancelado sem o laudo. Caso a prefeitura realize sem a autorização, terá que responder por qualquer acidente que possa acontecer.

Em Bandeira do Sul, 15 pessoas morreram eletrocutadas em um acidente com um trio elétrico no último domingo (27). A festa foi realizada com alvará da prefeitura, mas mesmo sem o projeto de incêndios que é obrigatório e que deveria ter sido entregue ao Corpo de Bombeiros. Mesmo assim, o evento aconteceu com a presença dos bombeiros. De acordo com o sargento Edirlei da Silva Viana, para que a festa fosse cancelada, deveria haver um risco iminente, o que para ele não era o caso.

You may also like...

0 thoughts on “Prefeituras do sul de MG ainda não têm laudo de vistoria dos bombeiros Prazo para a entrega era de até dez dias úteis antes do evento”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *