PF faz operação contra fraudes em processos licitatórios no Sul de MG

A Polícia Federal em conjunto com o Ministério Público Federal, a Controladoria-Geral da União e a Receita Federal fazem uma operação nesta segunda-feira (9) em várias cidades de Minas Gerais com o objetivo de desarticular uma organização que desviava recursos públicos a partir de fraudes em processos licitatórios. Entre os municípios investigados, está Três Corações (MG). Conforme a PF, a "Operação Esopo" cumpre 101 mandados, sendo 44 de busca e apreensão, 20 de sequestro de valores, bens e imóveis, 25 de prisão temporária e 12 de condução coercitiva.

Segundo a Polícia Federal, a organização criminosa formada por uma OSCIP (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público), empresas, pessoas físicas e servidores públicos de alto escalão, além de agentes políticos, fraudava processos licitatórios para a prestação de serviços com valores superfaturados ou que sequer eram executados. A polícia acredita que o esquema tenha movimentado mais de R$ 400 milhões.

Além das prisões, conforme a PF, estão sendo cumpridos mandados de busca e apreensão em empresas pertencentes ao esquema criminoso e também nas sedes das prefeituras de Araçuaí/MG, Coração de Jesus/MG, Januária/MG, São Francisco/MG, São João da Ponte/MG, Taiobeiras/MG e Três Corações/MG, além de um Instituto do Governo de Minas Gerais, um Ministério do Governo Federal e a FIEMG.

Os presos responderão, na medida de suas participações, por crimes contra a administração pública, formação de quadrilha, falsidade ideológica, corrupção ativa e passiva e lavagem de dinheiro, dentre outros. Se condenados, as penas máximas aplicadas aos crimes ultrapassam 30 anos.

FONTE: SITE G1 SUL DE MINAS.

You may also like...

0 thoughts on “PF faz operação contra fraudes em processos licitatórios no Sul de MG”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *