Piloto de parente faz pouso forçado em Três Corações, MG

Um piloto de parapente ficou ferido após fazer um pouso forçado em uma fazenda de Três Corações nesta quinta-feira (9). Segundo o Corpo de Bombeiros, Pablo Rodarte, de 33 anos, saltou em um voo duplo com um amigo na rampa de Lavras (MG) com destino ao Pico do Piri-Pau em Cambuquira, mas teve um problema no equipamento e precisou acionar o paraquedas emergencial.

Ele teve ferimentos e suspeita de fratura em um dos braços e precisou ser levado para o Hospital São Sebastião. Já o amigo do piloto não ficou ferido. De acordo com os bombeiros, o pouco forçado aconteceu em um pasto que fica pelo menos 15 km distante do bairro Cinturão Verde. Para localizá-los foi necessário o uso de um aparelho de GPS.

Outros acidentes na região
Também nesta quinta-feira, um piloto de paraglider precisou fazer um pouso forçado na Serra de Boa Esperança (MG). Segundo o Corpo de Bombeiros, a vítima saltou da "Rampa da Igrejinha", local bastante frequentado por praticantes do esporte, e faria um voo de cerca de 15 minutos. Após decolar, o piloto foi atingido por uma rajada de vento e decidiu fazer um pouso de emergência.

A vítima foi resgatada pelo comerciante Rogério Andrade em um ponto perigoso da Serra da Boa Esperança, à beira de um penhasco, onde só foi possível chegar por rapel. O piloto ficou pendurado nas árvores por cerca de uma hora.

No dia 4 de janeiro, outro piloto de paraglider sofreu um acidente na região. Segundo socorristas que participaram do resgate, Eugênio de Souza, natural de Paraisópolis (MG) saltou da Serra da Bela Vista em Santa Rita do Sapucaí (MG) e sofreu um mal súbito no ar. Ele perdeu o controle do equipamento e caiu a um quilômetro do local onde deveria pousar, em um pesqueiro da cidade.

Fonte: Site G1 – Sul de Minas.

You may also like...

0 thoughts on “Piloto de parente faz pouso forçado em Três Corações, MG”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *