SUS incorpora tratamento para tipo raro de tumor

A partir deste mês, ao Sistema Único de Saúde passará a oferecer o tratamento para pacientes com tumor no sistema gastrointestinal.
A nova medida deverá ser implantada pelo Ministério da Saúde, tendo em vista o risco de recaída da doença no período pós-cirúrgico.
De acordo com o portal Agência Brasil, o Tumor Estromal Gastrointestinal (Gist na sigla em inglês)é considerado raro. O medicamento mesilato de imatinibe será usado para quimioterapia adjuvante e poderá beneficiar cerca de 500 pacientes ao ano.
Não há pré-requisitos de idade ou gênero para indicação ao tratamento.

You may also like...

0 thoughts on “SUS incorpora tratamento para tipo raro de tumor”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *