Tido como o mais experiente, Hesse fala ao Alfenas Agora.

Prefeito e vereador por diversos mandatos, um dos políticos mais respeitados de Alfenas aceitou ser entrevistado pelo seu ex colega de vereança, Sander Simaglio.

Hesse e Sander, ambos advogados, formaram uma dupla e permaneceram juntos durante todo o mandato passado frente ao Legislativo Municipal: na oposição ao PT, na Comissão de Obras e nas defesas no plenário. Sander chegou a homenagear o colega com um título de honra ao mérito, uma das maiores honrrarias dada pela Câmara Municipal em reconhecimento ao trabalho de quase uma vida inteira que Hesse dedicou a Alfenas.

Recebido na casa do atual vereador, Simaglio, como sempre faz, transformou a entrevista num longo bate papo sobre a atual situação política de Alfenas.

Às perguntas, Hesse (PSDB), 78 anos, foi direto e objetivo:

 1. Como o senhor avalia a atuação da Câmara neste mandato?

A avaliação referente ao trabalho da Câmara no atual mandato, há que ser feita considerando-se as dificuldades enfrentadas.

2. Em sua opinião, a participação popular nas reuniões é efetiva?

A participação popular nas reuniões tem sido razoável, exceto em algumas vezes, com maior número de participantes, em razão da pauta mais atrativa.

3. Quando e porque iniciou sua carreira política?

A minha carreira política teve início em 1962, quando fui eleito Vereador pelo PSDB; depois, fui eleito Prefeito para os mandatos de 1976/1970, 1973/1976, 1983/1988 e 1997/2000, perfazendo um total de 18 anos. Sendo que, após esses quatro mandatos, sucederam-se outros dois mandatos de vereador, sendo um deles o atual.

4. Qual setor elegeu como prioridade e que tem maior foco na sua atuação parlamentar?

A minha atuação parlamentar tem focalizado, de modo diversificado, todos os aspectos inerentes à Administração Municipal, principalmente por meio de requerimentos encaminhados ao Executivo.

5. Como avalia a estrutura administrativa atual da Câmara Municipal de Alfenas?

Se comparado com outras situações anteriores, a atual estrutura administrativa da Câmara, corresponde às necessidades do Legislativo.

6. Em sua opinião, o que é necessário para termos uma cidade melhor?

Mesmo já tendo progredido muito, Alfenas precisa continuar evoluindo, ainda mais, para termos uma cidade melhor.

7. Mesmo sendo experiente no assunto, por já ter sido vereador e prefeito, teve alguma dificuldade em atuar como parlamentar até o momento?

Não obstante tantos anos de atuação política, como vereador e prefeito, mesmo assim sempre existem dificuldades a serem superadas.

8. Hoje o senhor também exerce função na Comissão de Obras e Serviços Públicos. Fale um pouco sobre essa experiência.

A Comissão de Obras e Serviços Públicos, ao contrário do que possa parecer, é a menos importante da Câmara Municipal, se comparada com as outras existentes.

9. Nesta quase metade de mandato, quantos requerimentos de sua autoria foram aprovados?

No ano de 2013, foram 97 requerimentos de minha autoria, neste ano, já foram encaminhados 13. Todos eles referentes às necessidades locais, sejam elas mais importantes ou de menor importância.

10. Em sua opinião, qual projeto/requerimento, aprovado de sua autoria, causou maior impacto em beneficio à população de Alfenas?

Todos os requerimentos de minha autoria foram aprovados pelo Legislativo Municipal e enviados ao Executivo, embora não possa dizer qual deles tenha causado maior impacto.

11. Quais são as expectativas para o decorrer para a outra metade do mandato?

Espero que a outra metade do atual mandato, proporcione melhores resultados, após serem superadas as dificuldades do momento atual, numa expectativa favorável ao desenvolvimento de Alfenas e quanto ao bem estar dos cidadãos Alfenenses.

You may also like...

0 thoughts on “Tido como o mais experiente, Hesse fala ao Alfenas Agora.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *