Manifestação anti Dilma reúne ex-funcionários da prefeitura que foram nomeados em cargo de comissão pelo PT

Por Henrique Higino

Um grupo de pessoas foi até a “Concha Acústica”, no centro de Alfenas, para participar de uma manifestação contra o governo Dilma Roussef e contra a corrupção. O encontro aconteceu na tarde deste domingo, dia 15, e o ato foi marcado pelas redes sociais.

FB_IMG_1426452363534

Entre os participantes estavam médicos, empresários, empreiteiros, comerciantes, políticos da cidade, maçons e donas de casas. Não havia movimento popular na manifestação.

A Concha Acústica ficou enfeitada com uma decoração em verde e amarelo, semelhante aos enfeites de Copa do Mundo. Aliás, a camiseta da seleção brasileira de futebol predominava. Alguns cartazes estavam escrito Fora Dilma.

Entre os manifestantes estavam pessoas que eram ligadas ao Partido dos Trabalhadores quando ele estava no poder em Alfenas. Entre eles o jornalista Juquiel dos Santos, o comerciante João Bosco de Oliveira Azevedo, o desempregado Itamar Silva e o advogado Joselito de Souza, o Lito. Com exceção de Lito e Itamar, os outros dois só largaram os cargos na prefeitura porque o PT perdeu as eleições.

Bosco ainda tentou se encaixar no governo Maurílio Peloso, mas sem sucesso. Itamar ainda compôs o governo de Maurílio Peloso, mas foi afastado este ano depois de supostas irregularidades na apreensão de cavalos. 
20150315_165709

Curiosamente, hoje, todos os quatro protestavam contra Dilma e contra a corrupção, mas participaram do governo petista na época do mensalão. Alguns foram nomeados com consideráveis salários num período em que o PT era acusado de corrupção no caso mensalão.

O movimento na Praça Getulio Vargas teve um microfone à disposição dos manifestantes. Não houve tumultos e nem registro de boletim de ocorrência. Em um determinado momento, um homem foi vaiado por defender Dilma no microfone.

 

Matéria de responsabilidade exclusiva do Autor.

You may also like...

3 thoughts on “Manifestação anti Dilma reúne ex-funcionários da prefeitura que foram nomeados em cargo de comissão pelo PT”

  1. Joselito de Souza disse:

    Henrique Higino, fiz parte deste governo do PT porque me foi prometido a Secretaria de Educação, área que atuo independente de cargo público. Fui traído e vi que os vagabundos do PT só queriam apoio. Tive a grandeza de pedir para sair, tendo o Sr. Pompílio líder do PT me oferecido mais uma portaria com bom salário para ficar no governo. Recusei, não concordo com esta prática nefasta que inchou a Prefeitura com quase 3.000 servidores dentre eles quem só ia buscar salários. Esta prática lotou inclusive a Câmara dos Vereadores sob influência petista. Portanto eu não faço parte deste bando de malandros que veem os cargos públicos como encosto para dilapidar o patrimônio público. Portanto, eu tive a grandeza de sair deste governo, da mesma forma que fiz em 1997 quando o direito de disputar a Prefeitura em 2.000 era meu e as pesquisas me colocavam como favorita, mas saí e estou fora por consciência e não fiquei porque a coisa pública é sagrada e só volto para uma função publica quando for possível romper com este esquema de “pacto federativo” e dar cargos para apoiadores politicos.

  2. Caro amigo Henrique , Trabalhei com Luizinho sim , fiz por merecer o misero salário, porem honrado que recebi , Agora não porque tenha sido funcionário dele e nem filiado ao PT sou faz doze anos que sái do PT , isso não me desabilita a protestar contra um governo cléptocrático ,e voce veja o quanto foi democrático o movimento liberei microfone para elogiara Dilma sempre te alguem com opinião diferentes , Hnrique to com umas notas fiscais aqui para fazer matéria depois darei cópias a voce , Jornalismo é escrever tudo que o Poder não quer , PARABÉNS voce ta fazendo certinho defendendo um Grupo de ratos que cometem e cometeram crime de lesa pátria …

  3. Alexandre disse:

    Interessante…que dizer que os paladinos da moral e da ética em uma passado recente eram funcionários da prefeitura na gestão PETISTA? Sendo que alguns deles só saíram pois o PT perderam as eleições? Estranho essa mudança de posicionamento político/ideológico tão rápido: por quê será ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *