Victor Corrêa termina a 1ª Corrida do Europeu de Radical em 2º lugar

Não bastou ao piloto brasileiro Victor Corrêa (Unifenas) garantir a pole-position, estabelecer a volta mais rápida e ainda liderar as primeiras 21 das 34 voltas da etapa de abertura do Campeonato Europeu de Radical, disputada neste Sábado (11/4) em Jerez (Espanha).

Uma surpreendente estratégia de pit-stop do inglês James Swift, não permitiu que o seu conterrâneo John Harrison, companheiro do mineiro na Nielsen Racing sustentasse a frente e recebeu a bandeirada em segundo, apenas 2s149 atrás.

VictorCorrea-RadicalMasters2015-EtapaUm-CorridaUm

“Fizemos o que dava pra fazer, tínhamos tudo na mão pra vencer. O trabalho de todos, pilotos e equipa foi bem feito, mas o [James] Swift surpreendeu-nos com uma estratégia diferente“, comentou o piloto de Alfenas (MG), muito festejado no pódio.

Logo cedo Victor Corrêa garantiu a pole-position com mais de meio segundo de vantagem sobre James Swift. Depois de uma excelente largada, o piloto brasileiro completou a primeira volta com uma vantagem de 2s695 na liderança, e na terceira passagem cravou a melhor volta da corrida com 1min42s859 para os 4.423 metros do circuito do sul da Espanha. Depois de 40 minutos e com mais de 21 segundos de vantagem, na 21ª volta o mineiro entrou nas boxes para troca de piloto e reabastecimento.

“Foi nesse momento que perdemos a corrida. Temos que ficar parados pelo menos 45 segundos para a troca de piloto, depois de um eventual reabastecimento, que optámos por fazer. O James Swift arriscou e não reabasteceu. Com isso, ele tirou toda a vantagem e voltamos 4s775 atrás dele. O Harrison ainda fez um excelente trabalho e recebeu a bandeirada depois das 34 voltas apenas dois segundos atrás. Foi uma pena e agora vamos reavaliar a estratégia para as duas corridas de amanhã“, explicou o representante da Unifenas.

O companheiro de Victor Corrêa foi o responsável pela classificação para a segunda prova e garantiu uma posição na terceira fila, com o sexto tempo.

“Dá pra brigar pela vitória novamente. Vamos fazer a lição de casa para deixar o nosso Radical SR8 ainda mais rápido e definir os nossos próximos pit-stops. Estou muito contente com o meu retorno à categoria e estou tendo o reconhecimento de todos aqui, da Nielsen Racing, do John Harrison, dos organizadores e até dos meus adversários. Estou feliz“, disse Corrêa depois de descer do seu primeiro pódio na temporada.

Resultado da 1ª etapa do Radical Masters Euroseries (1ª Corrida, top-10)

1) James Swift (Inglaterra), 34 voltas em 1h01min21s156

2) Victor Corrêa (Brasil)/John Harris (Inglaterra), a 2s149

3) Jamie Patterson/Alex Kapadia (Inglaterra), a 6s443

4) Manhal Allos (Inglaterra), a 47s907

5) Terrence Woodward/Ross Kaiser (Inglaterra), a 52s158

6) James Abbott (Inglaterra), a 1min17s167

7) Stuart Moseley (Inglaterra), a 1min29s144

8) Andy Cummings/Bradley Ellis (Inglaterra), a 1min31s188

9) Marcello Marteotto/Marco Cencetti (Itália), a 1min36s676

10) Alain Costa (Mônaco), a 1 volta.

You may also like...

0 thoughts on “Victor Corrêa termina a 1ª Corrida do Europeu de Radical em 2º lugar”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *