PM atira em pneu de carro que não parou em blitz

Um policial militar atirou em um carro que não parou numa blitz de trânsito. O disparo foi em plena rua, no centro, por volta das 14h desta quinta-feira, dia 30. O tiro atingiu o pneu do automóvel, um Voyage de cor verde.

Apesar de o pneu traseiro ficar furado com o tiro, o motorista conseguiu fugir da PM. A fuga mobilizou diversas viaturas na região da Unifal, onde aconteceu o disparo. Ninguém ficou ferido.

O PM alegou que efetuou o disparo na rua porque o motorista teria tentado atropelá-lo. Essa versão não foi confirmada pela reportagem.

A reportagem falou com o capitão Souza sobre o disparo. Ele disse que ainda não tinha conhecimento sobre esse caso.

Outro caso

A perseguição da polícia contra motos e carros tem sido constante na cidade. Na noite do dia 29, um adolescente caiu da garupa de uma moto durante uma perseguição da PM. Na ocasião, os militares tentaram abordar uma moto, que não parou.

Várias viaturas saíram em perseguição ao motoqueiro. O trajeto da moto em fuga seguiu por diversos bairros. Na rua da Paz, no bairro Vila Betânia, o adolescente que estava na garupa acabou caindo,  teve ferimentos leves e foi apreendido. O piloto conseguiu fugir.

A Polícia acredita que o condutor da moto estava armado, mas esta informação não foi confirmada pelo menor apreendido. Além do menor, um capacete também foi para a Delegacia. Segundo a PM, o menor e o piloto estariam envolvidos em um roubo.

Riscos

Recentemente, a PM colocou em risco até pedestres e motoristas durante uma perseguição. Na noite do último dia 14,  uma viatura percorreu toda a rua Ministro Salgado Filho na contramão, e a noite, porque um motoqueiro não parou numa blitz de trânsito. Apesar da correria, a viatura não alcançou a moto.

Enquanto a PM prioriza perseguições a motoristas e motoqueiros, Alfenas aparece como a cidade mais violenta do Sul de Minas em relação a assaltos e crimes violentos. Dados oficiais divulgados esta semana mostram pela Secretaria Estadual de Defesa Social (Seds) mostra que Alfenas está entre as cidades mineiras que mais registraram roubos durante o primeiro semestre deste ano em Minas Gerais. O balanço aponta que 372 roubos ocorreram na cidade. O aumento na comparação do mesmo período entre 2014 e 2015 foi de 78%. No ano passado foram registrados 208 casos de roubo.

Os dados mostram ainda que proporcionalmente, 1 a cada 210 moradores já foi vítima de roubo. Segundo o levantamento, é como se ocorressem dois roubos por dia na cidade, que tem atualmente 80 mil moradores.

O tráfico de drogas também impressiona. Biqueiras se multiplicaram e os traficantes vendem drogas de formas bizarras: na Vila Betânia, por exemplo, os traficantes colocaram um sofá na calçada para atender usuários com mais conforto.

You may also like...

0 thoughts on “PM atira em pneu de carro que não parou em blitz”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *