Celulares furtados em Alfenas, MG, serão devolvidos aos donos em Goiás

Três homens suspeitos de furtar mais de 60 celulares na festa Velório do Carneiro em Alfenas (MG), no sábado (9), foram presos nesta segunda-feira (11) em Catalão (GO) e confessaram ter pegado os celulares dos participantes do evento. O problema agora é para os donos dos celulares furtados. Segundo a Polícia Civil, caso queiram recuperar os aparelhos, eles têm que ir buscá-los na região Centro-Oeste do país.

A estudante Amanda Vincentim teve o aparelho furtado na festa. Ela contou que demorou para perceber que o celular tinha desaparecido. “Uns 5 minutos depois eu achei que eu tinha perdido no chão, só que quando vi, fui procurar dentro de onde estávamos trabalhando, e não vi. Eu tentei ligar, a pessoa atendeu e desligou. Eu falei: já era. Foi furto mesmo”, contou.

Outro estudante, Paulo Vinícius Barbosa, passou por uma situação parecida. Ele faz faculdade em Poços de Caldas (MG) e no sábado foi para a festa em Alfenas. Chegou por volta das 15h e só deu falta do aparelho às 20h.
“Antes disso eu tinha mexido no celular, mas senti que foi roubado mesmo às 20h. Tentei contato com a polícia, mas ela só estava na rodovia, dentro do evento não tinha polícia”, comentou.

No domingo (10), ele conseguiu contato com a polícia de Catalão e descobriu que o celular estava entre os 62 apreendidos pela Polícia Rodoviária Federal em uma blitz na BR-050. Segundo a Polícia Civil, o trio detido disse que os aparelhos seriam vendidos em Brasília (DF). O problema é que agora o estudante não sabe se vai conseguir recuperar o aparelho, que custou cerca de R$ 1 mil.

“Eles me perguntaram de onde eu era e se eu tinha o número de cadastro do celular e foi reconhecido que está em Catalão. Mas só vão entregar pessoalmente, com os documentos originais, ou alguém que tenha disponibilidade de ir lá com uma declaração e pegar para mim”, acrescentou o jovem.

Segundo a polícia, os celulares são alvos fáceis de criminosos, especialmente em locais como festas e onde há aglomeração de pessoas. “É importante ter o aparelho em condições seguras, nos bolsos e em locais onde haja controle fácil. Evitar de deixar esses aparelhos sobre a mesa e até mesmo ostentar, mostrando para outras pessoas, principalmente os de valor mais caro”, disse o tenente da Polícia Militar André Caselato Calais.

Ainda segundo o tenente, é importante registrar a ocorrência do furto do aparelho. “O registro da ocorrência policial para que as demais providências e serviços da Polícia Militar, que vão orientar o policiamento, sejam realizados a partir desse registro”, esclareceu.

Fonte:G1

You may also like...

0 thoughts on “Celulares furtados em Alfenas, MG, serão devolvidos aos donos em Goiás”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *